Teatro Municipal de Caieiras

projetoteatroO brasileiro tem um comportamento característico de só se importar com seu nariz. Pode a casa do vizinho pegar fogo; ele ajuda, se for necessário, mas não liga muito. Diz: “melhor a dele do que a minha”. E isso se dá em todos os setores. Em relação à Cultura, a história não muda muito.

Muita gente considera Cultura coisa desnecessária. Ler livro? Pra quê? Biblioteca? Ah!, para quê? “Perda de tempo”, diria parcela significativa da população. Melhor é investir em construção de casas populares. Na hora de ver um filho com problemas de violência, a coisa muda. Quem sabe se ele tivesse mais acesso a bibliotecas a história não seria diferente?

Estudos mostram que crianças que dispõem de livros na infância têm melhor sorte no futuro. De outro lado, não é possível entender uma vida só voltada ao trabalho: nada de divertimento, de cultura na forma de oferta de livros, DVDs, revistas e jornais. O que falar então da maior manifestação popular, que é o teatro? Peças retratam histórias inventadas por dramaturgos.

Pois bem! A cidade de Caieiras não tinha o seu teatro. A população caieirense tinha apenas o Centro Cultural encravado no centro da cidade, mas a população cresceu e o espaço ficou pequeno. Parcela significa dos jovens procura diversos cursos ofertados pela secretaria de Cultura. Nos fins de semana, o espaço considerado de excelência é utilizado para formaturas, reuniões de evangélicos, shows e peças de teatro. Mas o centro cultural de Caieiras ficou pequeno para o desenvolvimento intelectual de seus cabeças pensantes.

Por que também não falar que já tinha chegado a hora de termos um espaço público para abrigar as grandes produções dos grandes centros? A espera de todos parece que está acabando. No final do mês de abril, representantes da Prefeitura receberam o anteprojeto do nosso Teatro Municipal de Caieiras. A localização do novo espaço cultural será no bairro do Serpa, onde antigamente era o campo do Luso.

Segundo a Prefeitura, o espaço terá cerca de dois mil metros quadrados de área construída, vários camarins e um sistema de tratamento acústico para não causar transtornos aos moradores das redondezas. Além disso, haverá entrada de serviço interligada ao palco, o que permitirá que grandes estruturas integrem o cenário, se preciso.

Toda a comunidade espera que o teatro municipal esteja inaugurado até o final do ano de 2016. Com certeza, o prefeito Roberto Hamamoto terá seu nome escrito em uma das estrelas de sucesso da cidade na porta do teatro.

0 0 1847 07 maio, 2014 Caieiras e Região, carousel, Estrutura, Teatro maio 7, 2014

Sobre o autor

Dr. Stélio Leal Pessanha é médico com formação em Neurologia e Neurocirurgia e atua em consultório desde que se formou. É chefe de neurologia e neurocirurgia das cidades de Caieiras e Francisco Morato, pós-graduado em Neurologia, eletroencefalografia, eletroneuromiografia, Oto–neurologia, potencial evocado auditivo, visual e somatosensitivo. Desenvolveu e desenvolve atividades em: - clínica médica: Saúde Pública, Administração Hospitalar, Patologia Clínica, Medicina do Trabalho, Medicina do Tráfego, Didática do Ensino Superior - em comunicação: USP (Português, Inglês), Uninove (Jornalismo-Publicidade). Roteirista de rádio, teatro e TV É escritor: - “O Mestre Aprendiz de Medicina”, livro já editado que mostra a trajetória de um médico no dia a dia com pacientes no consultório, prontos-socorros e centros cirúrgicos (acesse https://www.youtube.com/watch?v=Gc0F4Z6DtUs para mais informações) - “O destino Cuspiu para o Alto”, em fase de execução, livro a respeito de membros de algumas famílias que tinham tudo para dar certo, mas trilharam o caminho do mal. Como cidadão, a rebeldia de um então jovem médico recém-formado o levou a fundar um jornal (Gazeta Regional de Caieiras e região), uma rádio (Onda FM 87.5), webTV (TV Nova Onda e está a caminho de abrir sua TV retransmissora, todos sob a égide da Associação de Mídia Comunitária, a AMIC). Todas as mídias objetivam defesa da democracia, do meio ambiente e dos direitos do que mais precisam.

Ver todos os artigos de Stelio Leal Pessanha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>